Centro de Custo

VALÊNCIAS SOCIAIS

O grande desafio no ano que se avizinha é a estabilização dos Recursos Humanos afectos a esta área. Urge inverter a elevada rotatividade nas equipas (taxa de 22%), que compromete a qualidade dos serviços prestados e representa uma sobrecarga laboral aos colaboradores que connosco permanecem.

O crescente aumento do grau de dependência representa um acréscimo nas necessidades de recursos humanos, bem como uma maior complexidade nos serviços prestados. Por outro lado, na lógica de partilha dos técnicos afectos a esta área e da estimulação do convívio intervalências pretende-se aumentar o número de actividades comuns aos utentes dos 3 espaços.

valencias sociais

Serviço de Apoio Domiciliário
O grande desafio no ano que se avizinha é a estabilização dos Recursos Humanos afectos a esta área. Urge inverter a elevada rotatividade nas equipas (taxa de 22%), que compromete a qualidade dos serviços prestados e representa uma sobrecarga laboral aos colaboradores que connosco permanecem.

O crescente aumento do grau de dependência representa um acréscimo nas necessidades de recursos humanos, bem como uma maior complexidade nos serviços prestados. Por outro lado, na lógica de partilha dos técnicos afectos a esta área e da estimulação do convívio intervalências pretende-se aumentar o número de actividades comuns aos utentes dos 3 espaços.

A permanência das pessoas nos seus domicílios somente é possível através da garantia de acompanhamento e de resposta às necessidades dos utentes. No seguimento do efectuado em 2018, o acompanhamento regular por parte da Directora Técnica aos utentes e às equipas de trabalho é essencial para uma avaliação atempada das necessidades individuais e de qualidade nos serviços prestados. Será mantida também a aposta na disponibilização de actividades de animação sociocultural e de estimulação cognitiva em grupos fora dos domicílios.

Os grandes objectivos gerais para 2019 são:
- Combater a solidão e o isolamento, proporcionar aos utentes um número mais alargado de actividades no exterior, criando momentos de convívio e lazer;

- Potenciar aos utentes e familiares um maior contacto com a instituição, para que em conjunto se consiga colmatar as necessidades de ambos;

- Sensibilizar o grupo de trabalho para a mudança de necessidades dos utentes e para o retardamento da sua entrada em ERPI, despoletando a necessidade de alteração de métodos de trabalho;

- Realizar um estudo detalhado acerca da possibilidade de alargamento de serviços aos fins-de-semana e feriados, com as respectivas implicações financeiras e de recursos humanos.

Centro de Dia “José Dias André “
Com as crescentes e variadas necessidades dos utentes, bem como com o nível de exigência requerido pela comunidade na qualidade dos serviços prestados, o Centro de Dia tem vindo a cimentar parcerias e ligações com diversas instâncias presentes no concelho. Tendo ainda por base estas premissas, e à semelhança do que tem vindo a acontecer nas restantes valências da SCMC, no Centro de dia tem-se também apostado na partilha de recursos técnicos, com vista à promoção da qualidade de vida, bem como à potencialização da funcionalidade física e cognitiva dos utentes.

Como objectivos para o ano de 2019 propõe-se:
- Continuar a ir de encontro às necessidades tangíveis dos utentes, sempre numa vertente de individualização dos cuidados, através de uma adequação constante de serviços prestados;
- Apostar na qualidade das actividades disponibilizadas aos utentes, recorrendo a técnicos diferenciados da SCMC;
- Manter e potenciar parcerias e articulações com diferentes instituições, quer do concelho de Coruche, quer fora deste;
- Garantir a melhoria na gestão quotidiana do Centro de Dia, continuando a promover a organização no âmbito administrativo e de recursos humanos.

Estrutura Residencial para Pessoas Idosas
Lar “Maria Clarisse Teixeira de Almeida e Lereno”

Com o agravamento do grau de dependência dos utentes e com a existência de vagas protocoladas com a Segurança Social, o grande objectivo para o próximo ano será a reavaliação dos Planos Individuais de Cuidados, assim como a reorganização dos Planos de trabalho das equipas.

Em 2019, os objectivos que se pretendem alcançar são:
- Concluir a organização do sector da saúde, com a afectação de um Farmacêutico a tempo parcial para preparação da medicação e gestão do receituário;
- Reavaliar o Plano Individual de Cuidados de cada utente e implementar um sistema regular de actualização;
- Dinamizar a oferta de actividades, de forma a combater a inactividade e consequente agravamento do seu grau de dependência física e cognitiva dos utentes;
- Adequar os planos de trabalho das equipas de colaboradores às necessidades dos utentes.